Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Versão Feminina

O mundo aos olhos das mulheres - a dualidade entre a delicadeza e a complexidade! By Freckles & RedHead

Versão Feminina

O mundo aos olhos das mulheres - a dualidade entre a delicadeza e a complexidade! By Freckles & RedHead

Amazona Peluda...SIM ou NÃO?!

Na sequência de um artigo da semana passada (O que muda quando nós mudamos), a questão da Amazonas peluda deu que falar.


Caros leitores, em tantas palavras e expressões podiam ter-se focado na problemática apresentada, mas não... Foi o "peluda" que marcou pontos!!

 

Homens: A imagem de uma bela Amazonas, embora peluda, é suficiente para quebrar todo o possível entusiasmo?

Mulheres: Sejamos sinceras, todas nós temos um primata no nosso interior (por mais pequeno e fofo que possa ser, mas temos).

 

O ideal de uma mulher depilada da cabeça aos pés, manicure perfeita, pele macia, cabelo domado, maquilhagem suave e irrepreensível, outfit da moda e curvas perigosas é sim o pretendido por TODAS nós e todos vós!

 

Nem vale a pena negar, mesmo que dentro de portas o importante seja a roupa espalhada pelo chão, cada vez mais é imperial um cuidado redobrado em relação a como nos mostramos.

 

Mas confessem, não há dias em que há um, ou mais, pelinhos a mais que fingimos não ver?

 

Vamos negar que às vezes a preguiça é tanta que passam-se semanas e meses entre depilações?!

As desculpas são várias e podem ir desde:
-"Não tenho ninguém para quem me arranjar";
-"Ele/Ela já não liga a isso";
-"Vou vestir calças... ";
-"está tanto frio que assim até fico mais quentinha";

 

A questão é que com desculpas válidas ou não uma Amazonas peluda é bem mais ameaçadora que uma depilada, e era essa a intenção da expressão em causa, uma mulher ameaçadora o suficiente para fazer frente a todos os obstáculos possíveis! 

 

Agora peço a todas as mulheres, e homens, que lerem este artigo por favor digam de vossa justiça, e se houver por aí uma mulher que NUNCA mas NUNCA tenha descurado da depilação  por favor ASSUME-TE e conta os teus segredos para conseguir não adiar aquilo que todas pregamos mas não cumprimos: A DEPILAÇÃO!!!

 

40315db38976e63470c74c68a528f908.jpg

 

 

By Redhead

Menina-Mulher

Durante a nossa vida passamos por muitas fases e não são raras as vezes em que nos apercebemos que certas coisas que nos disseram no passado fazem agora todo o sentido.

Às vezes olho para trás, para os meus 18 aninhos e penso “como as coisas mudaram, como eu mudei!”. Mas noto que a essência continua a mesma, para o bem e para o mal.

 

Nos últimos tempos tenho andado um pouco pensativa, não sei se é porque os 30 estão quase a chegar, ou simplesmente porque agora racionalizo mais as coisas, de uma forma que não fazia antes.

 

Na adolescência as nossas ocupações (pelo menos as minhas) prendiam-se por ir às aulas, fazer novas amizades, socializar o mais possível e prolongar ao máximo os dias fora de casa. O tempo passava ao sabor de uma tarde de conversa com os amigos.

Preocupações com o futuro eram ainda muito ligeiras, embora a ida (ou não) para a Universidade estivesse eminente. Sempre fui uma adolescente muito insegura e indecisa, mas a escolha do curso até foi relativamente fácil, embora só a tenha feito no fim do 12º. E embora não me arrependa do caminho que escolhi (e de tudo o que vivi derivado a isso), fico sempre na dúvida “será isto que me vai fazer feliz e realizada para o resto da vida?” E a dúvida instala-se.

 

Confesso que o que as outras pessoas pensam sempre teve alguma influência em mim (raios partam!), mas agora já não sinto tanto isso. Acho que tenho vindo a aprender a valorizar-me mais, a ouvir mais o meu coração e a seguir o meu instinto. Afinal, ninguém pode decidir por mim e o caminho que eu escolher vai mudar somente a minha vida. Sinto que agora estou mais consciente do que quero e que a fasquia foi-se elevando ao longo dos anos, não só porque eu também dei muitas cabeçadas e cresci, mas também porque agora quero mais e acho que mereço mais (“never settle for less than you deserve…”).

 

E agora? Nada nesta vida é garantido, mas se não seguirmos o que nos move (mesmo arriscando) e procurarmos a felicidade no dia-a-dia será que vale a pena a viagem? A menina continua cá dentro, ingénua e sonhadora, mas por fora tem uma mulher cada vez mais forte para a proteger e orientar (mesmo que não saiba o caminho).

 

420894bc22e76ba3fc97656ae3e3def7.jpg

 

By Freckles

O que muda quando nós mudamos?!

Aos 4 anos o que me preocupava era não ter idade suficiente para acompanhar a minha irmã à escola para ter direito a lanchar maçãs inteiras com casca. 


Aos 10 a crise eram as férias da escola em que deixava sempre os tpcs para os últimos dias (era mais forte que eu, embora sempre tivesse odiado deixar para amanhã o que podia ser feito hoje).

Aos 15 a parvoíce era ser incompreendida, muito nova para poder namorar, muito velha para fazer birras, muito nova para ser adulta, muito velha para ser criança,  a eterna idade da incoerência!!!

Aos 20, independente, supostamente resolvida, determinada, jovem, com a vida toda pela frente, bonita, sem medos, sem problemas (reais),  com força para falar e fazer com que todos ouvissem. Tudo é preto no branco, tudo é linear, tudo tem que ser à minha maneira... Só que não!

Hoje em dia, perto dos 30 digo por experiência própria que a cada ano a mais levo tantas estaladas da vida que às vezes até parece difícil aceitar que ainda tenha tanto para aprender...
Nada é tão linear ou simples quanto parece, a intensidade das paixões pode manter -se, mas aprendemos a refrear o que damos e o que mostramos, e principalmente a quem!
A vida ensinou-me que todos à minha volta são possíveis ameaças à minha felicidade e bem estar.

Desconfiada??? Não teremos todos que ser assim para sobreviver nesta selva que é a vida???

Vale a Pena vangloriarmos-nos de sermos transparentes, ou frontais, ou calmos???
Não!  Temos que ser tudo, ter e dar uma face diferente a cada pessoa que entra ou invade a nossa vida!

Era tão mais fácil sonhar com o mar de rosas que desenhei na minha cabeça, mas fui obrigada a aprender que é melhor ser uma amazonas peluda na batalha, que uma donzela em apuros no palácio!

f5e7b6d32e1e2756ad02c3897e858509.jpg

 

 



By redhead